sexta-feira, 26 de agosto de 2011

Sexta-feira...

Nessa Sexta-feira vou fazer um post diferente. Recebi esse texto da querida Teresa pelo Facebook e quero compartilhar com vocês.
Casa Arrumada

Casa arrumada é assim:
...Um lugar organizado, limpo, com espaço livre pra circulação e uma boa entrada de luz.
Mas casa, pra mim, tem que ser casa e não um centro cirúrgico, um cenário de novela.
Tem gente que gasta muito tempo limpando, esterilizando, ajeitando os móveis, afofando as almofadas...
Não, eu prefiro viver numa casa onde eu bato o olho e percebo logo: Aqui tem vida...
Casa com vida, pra mim, é aquela em que os livros saem das prateleiras e os enfeites brincam de trocar de lugar.
Casa com vida tem fogão gasto pelo uso, pelo abuso das refeições fartas, que chamam todo mundo pra mesa da cozinha.
Sofá sem mancha?
Tapete sem fio puxado?
Mesa sem marca de copo?
Tá na cara que é casa sem festa.
E se o piso não tem arranhão, é porque ali ninguém dança.
Casa com vida, pra mim, tem banheiro com vapor perfumado no meio da tarde.
Tem gaveta de entulho, daquelas que a gente guarda barbante,
passaporte e vela de aniversário, tudo junto...
Casa com vida é aquela em que a gente entra e se sente bem-vinda.
A que está sempre pronta pros amigos, filhos...
Netos, pros vizinhos...
E nos quartos, se possível, tem lençóis revirados por gente que brinca ou namora a qualquer hora do dia. Casa com vida é aquela que a gente arruma pra ficar com a cara da gente.

Arrume a sua casa todos os dias...
Mas arrume de um jeito que lhe sobre tempo pra viver nela...
E reconhecer nela o seu lugar.


Carlos Drummond de Andrade


Um Ótimo Final de Semana para todos!

quarta-feira, 24 de agosto de 2011

1000 Seguidores...

Quando o Arthur foi para a escolinha com 2 aninhos de idade, eu passei a ter as tardes livres e me vi em uma situação inusitada, me senti até um pouco perdida. Faziam 2 anos que eu só era "mamãe" e agora eu tinha um tempo livre. Então eu "descobri" um mundo maravilhoso cheio de idéias, inspirações, opiniões e amizades. E foi assim que meu blog nasceu.

Ele é um cantinho para "chamar de meu", meu blogterapia. Aqui raramente tem espaço para coisas tristes, julgamentos e ofensas e nem para dizer como um blog tem que ser feito, eu moldo esse cantinho do meu jeitinho. Esse blog é pra mim, feito por mim, mas para ser compartilhado por todos, afinal "seja sempre bem vindo" é o meu lema. Aqui eu divido as coisas e imagens que gosto, troco experiências, relato as minhas como mãe e mulher. Gosto que ele seja sereno, colorido, alegre e inspirador, porque de tristeza e correria, já basta a vida real, então que a virtual, seja diferente, seja mágica, seja feita de coração! Agora eu tenho 1000 amigos para compartilhar o meu cantinho. Uhuuuu.

Obrigada a todo mundo que dedica um tempinho do seu dia para comentar, quem só me visita e não comenta, quem me segue, quem só me visita e não segue, quem já me mandou e-mails carinhosos para elogiar o blog e até quem nunca se manifestou...enfim, a todo mundo que passa por aqui meu muito obrigada. Eu não vivo mais sem blogar!

terça-feira, 23 de agosto de 2011

Ele já é virtual...

Arthur já descobriu o ".com.br", é assim que ele pede quando quer entrar no site do Disney Junior.
"Mamãe, pode pontocom-pontobr, pode?"  Quem resiste a um pedido desses!



segunda-feira, 22 de agosto de 2011

Idéia Graciosa 37...

Não sabe o que fazer com a sua cômoda velhinha? Que tal transformar as gavetinhas em um cantinho pra lá de colorido, prático e gracioso! Fofo demais.

O Mundo de Caliope / Wohnidee

domingo, 21 de agosto de 2011

...eu tenho amigos!

Meninas (e meninos!) como eu fiquei feliz em receber tantos amigos no Facebook. Eu ainda estou aprendendo a usar, mas já confirmei muitos pedidos, não recusei ninguém e espero que ninguém tenha passado despercebido por mim. Adorei cada comentário do último post e adorei saber que tem gente que gosta, gente não gosta e quem não liga pra isso, foi muito interessante. Mas uma coisa muita gente concorda: é mesmo viciante!
O blog ainda é indiscutivelmente meu queridinho, mas eu me diverti muito passando algumas horinhas no Facebook!

Obrigada de coração.


sexta-feira, 19 de agosto de 2011

Quer ser meu amigo?

Eu estava relutante, mas fica impossível ignorar a tecnologia! Agora eu também sou moderna e tenho um perfil no Facebook. Ele ainda está meio tímido, pois estou aprendendo a usar, mas está sendo bem divertido. Quem quiser ser meu amigo/amiga é só me adicionar. E viva a modernidade!!!

Sexta-feira...

Enfim, chegou o dia mais legal da semana...


Um ótimo Final de Semana para todos!

terça-feira, 16 de agosto de 2011

4 Meses...

Me desculpem a "corujisse", mas Thomas está fofíssimo. Ele já vira no berço, quase cai do sofá de tanto que se mexe, a gengiva já está coçando e ele está babando muito. Já começou a dar "gritinhos" e pequenas gargalhadas e adooooora ouvir a voz do Arthur.
Ele já descobriu o poder das mãos e o mundo maravilhoso de levar tudo na boca! Pois é, começou cedo. Thomas já brinca com o mordedor e aprendeu a tirar e colocar de volta a chupeta na boca. O engraçado é que ele fica bravo quando não consegue acertar a boca. Oh, tão pequeno e tão temperamental...

Ele continua mamando somente leite materno, estou firme, forte e... exausta! Mas agora falta só um pouquinho. Arthur que deu mais trabalho no último mês. Ficou mais rebelde comigo e é só eu sentar para amamentar que ele começa a me pedir absolutamente tudo: água, maça, quer trocar o filme que está vendo, quer ir brincar com o cachorro...ufa. Tá vendo porque eu queria ser uma mamãe polvo!




Acho que ele está pensando: Chega de fotos, mamãe!

sábado, 13 de agosto de 2011

Laundry...

Algumas de vocês sabem a minha opinião sobre as lavanderias, certo? Elas não precisam ser "caídinhas" e tristes. Nada disso! Já que você passa um bom tempo nela (ás vezes tempo demais!), nada mais justo do que deixar ela bem charmosa. Como essa lavanderia inspiradora e cheia de personalidade. Adorei esse tapete!

I Heart Organization

quinta-feira, 11 de agosto de 2011

Clássico 2: Cantando na Chuva...

A madrugada está fria e chuvosa, o protagonista ganha um beijo da garota e extasiado de alegria, anda pelas ruas suspirando de amor. Desiste do guarda-chuvas e começa a pular em poças e a dançar na chuva. É o cenário perfeito para demonstrar seu amor. Não, ele não é louco, só está apaixonado! Isso sim é cena clássica!

Cantando na chuva é um daqueles filmes que me deixa com sorriso no rosto, mesmo em um dia cinza de chuva (sem trocadilhos!). É alegre, leve e despretensioso, como um bom musical dos anos 50 deve ser. A estória, até meio "bobinha", nas verdade retrata de forma engraçada a transição do cinema mudo para o cinema falado. Nos anos 20, com a chegada do som, muitos astros do cinema mudo se viram "encurralados" pela novidade e carreiras foram destruídas. Quando se tratava de falar nos filmes, somente seus rostinhos bonitos de nada serviam e então se descobriu quem tinha talento ou não. A expressão "só um rostinho bonito" deve ter nascido ali.

Sem machismo ou preconceito, Gene Kelly era um dançarino impecável e além de tudo um homem de muita classe, um verdadeiro Gentleman. Destaque também para o amigo de humor irônico e afiado e sua cena maravilhosa de dança "Make 'Em Laugh", além da engraçadíssima Lena Lamont e sua voz, digamos, peculiar...
E tem também a "mamãe" da princesa Léia de "Star Wars", como a moçinha do filme.
Eu recomendo!!!





Bom demais!!!

terça-feira, 9 de agosto de 2011

Idéia Graciosa 36...

Se não tem gavetas...use caixas decoradas! Você mesma pode revestir as caixas da forma que quiser e deixar a cômoda, do seu jeitinho. O resultado é gracioso demais. Inspirem-se...

Casa Diez

sexta-feira, 5 de agosto de 2011

Sexta-feira gelada...

Quando a gente achava que o frio já tinha ido embora...eis que ele voltou com força total. Que frio...

Um Ótimo Final de Semana para todos.

segunda-feira, 1 de agosto de 2011

Clássico 1: O Mágico de Oz...

Vamos assistir um filme clássico hoje? Faz uma eternidade que não vejo um filminho numa tarde preguiçosa, afinal, essa vida de mamãe não me deixa. Mas assim que Thomas dormir durante a tarde vou adicionar um clássico na minha agenda. Eu bem que estou merecendo ver um filminho de pernas pro ar! Para mim, essa 2 horas são melhores que terapia.

Pensando nisso, tive essa idéia fantástica de criar uma nova tag aqui no blog, para falar dos clássicos eternos, daqueles que mais gosto e daqueles que todo mundo precisa ver pelo menos uma vez na vida! E como eu adoro falar sobre isso, eu fiquei muito empolgada e já preparei o 1° clássico para inaugurar o post.
"O Mágico de Oz"

Esse filme é um clássico da minha infância, pura Sessão da Tarde quando ela era boa. Pois é, eu sou da época que era divertido assistir Sessão da Tarde. Eu tenho muitas lembranças sobre esse filme e sinto uma nostalgia gostosa toda vez que o vejo. Quando eu era criança, esse era o filme me fazia sonhar, viajar, imaginar um mundo tão colorido e divertido como Oz.
Adoro a interpretação doce de Judy Garland, o fato de ela ser criada pelos tios e não pelos pais sempre me intrigava, eu morria de medo de um tornado também levar minha casa e o toque mais genial de todos, a "quebra" de cores do filme: em sépia no começo, mas assim que ela chega a Oz, tudo se torna colorido e alegre. Adoro, adoro, adoro!!!
E falem a verdade, "Over The Rainbow" não é uma das canções mais bonitas do cinema? Mas para não ser injusta "If I Only Have a Brain" cantada pelo espantalho esperto, mas que não tinha cérebro, também é uma das minhas preferidas.








Lindo demais!!!
Meninas, dividam suas lembranças sobre o filme comigo também.